Custos de produção de cana-de-açúcar

Data da publicação: 08/10/2010


No primeiro semestre de 2010, os pesquisadores do Programa de Educação Continuada em Economia e Gestão de Empresas (Pecege-Esalq/USP), em parceria com a CNA e apoio da FAESP, realizaram painéis para levantamento dos custos de produção de cana-de-açúcar, safra 2009/10, em Andradina, Assis, Araçatuba, Sertãozinho, Catanduva, Piracicaba e Jaú.

Em cada um dos sete painéis, que contou com a participação de produtores (fornecedores), técnicos e especialistas na produção de cana-de-açúcar, foi apurado o sistema típico de produção das respectivas regiões e determinado o custo de produção da cana-de-açúcar.

Como metodologia de trabalho nos levantamentos foi definido o produtor representativo da localidade visitada, sendo coletadas informações técnicas (área, produção, produtividade, percentuais de plantio, colheita mecanizada, raio médio, número de cortes e outros) e  econômicas (patrimônio da propriedade, custos, preços, linhas de financiamento, despesas administrativas e outros custos).

Os custos dizem respeito à safra 2009/10, no entanto, esse estudo ajuda a consolidar um sistema de informação de custo de produção e de mercado para a cana-de-açúcar que vem sendo construído desde a safra 2007/08, permitindo aos fornecedores de cana disporem de parâmetros de referência para confrontar com a estrutura de custo de suas propriedades. Além disso, esse estudo subsidia as atividades de representação dos sindicatos rurais, da FAESP, CNA e demais Federações junto aos órgãos governamentais.

O estudo verificou que em todos municípios visitados a remuneração do fornecedor não foi suficiente para cobrir o custo total de produção da cana na safra 2009/10. Os custos totais mais elevados foram observados em Sertãozinho (R$ 5.598/ha), resultado dos altos preços de arrendamento, principalmente. Por outro lado, em Assis apurou-se o custo de produção mais baixo (R$ 3.962/ha), grande parte atribuído ao menores gastos dos fornecedores com a formação do canavial e ao menor custo da terra.

Para acessar os resultados completos desse trabalho, clique aqui.

 

Veja a galeria da imagens clicando aqui.

Indique esta notícia para um amigo

Loading ...